sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Lourdes Sprenger analisa fiscalização de maus-tratos e números da indústria Pet

A vereadora Lourdes Sprenger (PMDB) abordou, na sessão plenária de quinta-feira (12/12), os números da fiscalização de maus-tratos animais na Capital e o tamanho do mercado Pet no país, com os valores do faturamento e a geração de empregos. Apresentando gráficos no telão do plenário Otávio Rocha, ela disse que, em 2013, foram realizados 3.505 chamados, destes 1.018 não tiveram atendimento. Em 2011, foram 1.004 chamados pelo telefone 156. Adiantou que a instalação da Frente Parlamentar Porto Alegre Sem Maus –Tratos Animais vai fiscalizar estas ações e propor medidas para fazer frente a esta demanda de atendimentos urgentes. Lourdes citou, em seu pronunciamento, que existem no Brasil mais de 37 milhões de cães, 21,3 milhões de gatos, 19, 1 milhões de aves e 2 milhões de répteis. De acordo com a vereadora, o mercado pet gera 230 mil empregos diretos no Brasil, considerado o 2º maior mercado pet do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. Para a vereadora, o investimento em políticas públicas de bem-estar animal se justifica como um retorno da considerável carga de impostos recolhidos pela indústria de produtos e serviços do setor.