segunda-feira, 4 de julho de 2016

Lourdes critica aumento dos planos de saúde acima da inflação


A vereadora Lourdes Sprenger (PMDB) se manifestou hoje (4) no plenário da Câmara de Porto Alegre contra o aumento acima da inflação dos planos de saúde, autorizado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) de até 13,57%. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) verificado no período foi de 9,28%. “O que justifica uma diferença tão grande entre os índices?”, questionou.

Lourdes ressaltou que se trata do maior aumento autorizado pela agência em seus 16 anos de atuação, e o oitavo consecutivo acima da inflação. A Associação Brasileira de Planos de Saúde defende que a variação dos custos médicos e hospitalares foi de quase 20%. A ANS diz que o reajuste não tem a ver com o índice de preços, mas com a variação da frequência de itens como a utilização dos serviços, a incorporação de novas tecnologias e a alteração dos custos de saúde.

Os planos de saúde perderam mais de um milhão de clientes em um ano – dois terços eram clientes de planos empresariais, o que demonstra que o aumento dos custos prejudica principalmente os desempregados e suas famílias. Este quadro irá piorar ainda mais a situação do já sobrecarregado Sistema Único de Saúde (SUS), que passa a ser a única alternativa para quem não pode mais contar com o plano complementar.